Pular para o conteúdo principal

IMPORTANTE - ELEIÇÕES CAI E CAD, NOVA CPA, DIA 18 DE ABRIL

Caros colegas,

Amanhã, terça-feira dia 18 de abril, acontecerá as eleições para Câmara de Avaliação Institucional (CAI) e Câmara de Avaliação Docente (CAD), órgãos que comporão nova CPA (Comissão Permanente de Avaliação), como já foi anunciado por um série de mensagens que todos os docentes da USP vem recebendo da Secretaria Geral da USP. Mensagens que tem como função principal organizar as eleições eletrônicas que acontecerão nesta próxima terça, nas quais todos dos docentes da USP elegerão parte dos membros destas duas câmaras.

Para tornar o processo mais claro, reproduzo aqui o Artigo 5º do REGIMENTO DA COMISSÃO PERMANENTE DE AVALIAÇÃO, vigente desde novembro último a partir da Resolução  Nº 7272, de 23 de novembro de 2016, aprovada pelo CO, conforme já relatado em nosso blog.

"Artigo 5º – A CAI e a CAD serão compostas de 9 (nove) membros cada uma, da seguinte forma:
I – 3 (três) membros indicados pelo Reitor e homologados pelo Conselho Universitário;II – 6 (seis) membros eleitos diretamente pelos docentes da Universidade a partir das inscrições prévias dos interessados na Secretaria Geral, que coordenará o processo, no vencimento dos mandatos da CPA, observado o artigo 2º das Disposições Transitórias.
§ 1º – A composição de cada uma das Comissões assegurará a representação adequada das diferentes áreas do conhecimento, observada a seguinte distribuição:
I – 3 (três) membros das Ciências Exatas e Tecnológicas;II – 3 (três) membros das Ciências Biológicas e da Saúde;III – 3 (três) membros das Artes, Humanidades e Ciências Sociais.
§ 2º – Os membros da CAI e da CAD deverão ser docentes que tenham se destacado nas atividades acadêmicas na USP, Professores Titulares ou Professores Associados 3.§ 3º- A CAI e a CAD poderão ser assessoradas por Professores Seniores que tenham se destacado nas atividades acadêmicas na USP, com Termo de Compromisso válido, nos termos da regulamentação pertinente."

Como todos podem ver na próxima terça serão eleitos 6 membros para o CAI e 6 membros para o CAD através do voto direto (eletrônico) de todo e qualquer docente da USP. Serão 2 membros eleitos para cada área do conhecimento em cada câmara, totalizando 12 membros (6 na CAI e 6 na CAD), lembrando que os demais membros serão aqueles indicados pelo reitor e homologados pelo CO, totalizando, portanto, 6 membros (3 na CAI e 3 na CAD) que ainda serão designados.

A partir desta realidade gostaria de demarcar aqui em nosso blog a existência de uma articulação entre unidades que congregam um número elevado de docentes das Artes, Humanidades e Ciências Sociais, como FFLCH, EACH, FAU, ECA, FEA, FEARP, Educação, IP além dos Museus entre outras unidades, voltada para que ocorra um ação estruturada no decorrer das eleições do dia 18. que acontecerão das 9hs às 17hs (vejam PORTARIA GR Nº 6887, DE 1º DE MARÇO DE 2017).

Reproduzo abaixo mensagem enviada pelas Profas. Ana Castro, Ana Lanna, Elisabetta Santoro, Joana Mello e Leda Maria Paulani, encaminhando a questão das eleições na área das Humanidades depois da realização de duas reuniões abertas realizadas no final de março e no iníco de abril. Atentem-se, por favor, há pelo menos quatro candidatos (2 para a CAI e 2 para a CAD) que são apoiados por esta articulação interunidades: Profa. Maria Angela Faggin Pereira Leite (FAU) e Prof. Reynaldo Fernandes (FEARP) para a CAI; Profa. Maria Augusta da Costa Vieira (FFLCH) e Prof. Rubens Luis Ribeiro Machado Júnior (ECA) para a CAD.

------------------------------------------------------

---------- Mensagem encaminhada ----------

De: Ana Lucia Duarte Lanna 
Data: 6 de abril de 2017 21:59
Assunto: eleição de representantes CAI/CAD


Prezados colegas, 

após a reunião do dia 4 de abril elaboramos, conforme combinado, texto abaixo encaminhado para os candidatos Maria Angela Faggin Pereira Leite (FAU_CAI), Reynaldo Fernandes (FEA_CAI), Maria Augusta da Costa Vieira (FFLCH_CAD), Rubens Luis Ribeiro Machado Júnior (ECA_CAD) solicitando um posicionamento dos mesmos sobre os princípios gerais ali expressos.

Com a adesão expressa destes candidatos aos princípios deste documento, definimos pelo apoio  e voto em seus nomes na eleição a se realizar em 18 de abril.

Lembramos que, como decidimos, foram consideradas na escolha destes nomes além da adesão aos princípios gerais sobre as representações,  a diversidade entre unidades que compõem a área de humanas e a relação campus da capital e campus do interior.

É muito importante o apoio de cada de um vocês na divulgação dos nomes e explicitação do processo que resultou na construção destas candidaturas.

Anexamos a súmula curricular enviada pelos docentes à Secretaria Geral quando da inscrição de suas candidaturas.

Ana Castro, Ana Lanna, Elisabetta Santoro, Joana Mello e Leda Maria Paulani

TEXTO ENCAMINHADO AOS CANDIDATOS

Prezados colegas,

Em reunião na data de hoje, 04 de abril de 2017, após a apresentação das candidaturas para Câmara de Avaliação Institucional (CAI) e Câmara de Avaliação Docente (CAD), avançarmos a respeito dos princípios considerados como essenciais para o exercício destas representações. Inicialmente, reafirmamos a validade dos princípios acordados na reunião do dia 21 de março de 2017, a saber: 

  1. Reconhecer as especificidades das Humanidades e a necessidade do estabelecimento de critérios específicos que contemplem a diversidade da área; 
  2. Articular a avaliação a ser realizada pelas câmaras com um projeto de universidade de caráter estritamente público; 
  3. Comprometer-se em viabilizar a transparência dos mecanismos de discussão e deliberação de decisões das duas câmaras. 

Aliados a esses princípios, acordamos nesse novo encontro a compreensão de que a Universidade de São Paulo se define a partir da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, tendo como regime preferencial de trabalho o Regime de Dedicação Integral à Docência e à Pesquisa (RDIDP). 

Compreendemos ainda que o caráter público da Universidade tem que estar intrinsecamente articulado ao caráter público das avaliações e da atividade docente. 

Dessa maneira, estabelecemos que a ação dos nossos representantes na CAI e CAD deve assumir a defesa da construção de critérios capazes de contemplar as diferenças internas entre as várias disciplinas e unidades que compõem a área de humanidades e simultaneamente construir diálogos com as outras áreas do conhecimento, sem perder de vista a necessária elaboração de um plano de metas para o conjunto da Universidade de São Paulo.

Para tanto, os representantes das humanidades na CAI e na CAD devem garantir que os debates sobre critérios e procedimentos precedam e orientem as discussões e deliberações das duas câmaras. Dentre esses procedimentos, compreendemos como papel essencial das representações a definição de mecanismos e critérios de avaliação que constituam redes de avaliadores ad hoc nos moldes das agências de fomento de referência no Brasil e no mundo. 

Avaliamos que em torno desses princípios podemos construir uma permanente e efetiva prática de representação.

Segue súmula curricular dos candidatos:

CAI

Profa. Maria Angela Faggin Pereira Leite (FAU)

Prof. Reynaldo Fernandes (FEARP)

CAD

Maria Augusta da Costa Vieira (FFLCH)

Prof. Rubens Luis Ribeiro Machado Júnior (ECA)


------------------------------------------------------

Para finalizar, apesar de não ser da área de exatas, quero apresentar uma candidatura para esta área, a do Prof. Marcílio Alves (atual suplente da representação dos professores associados no CO), vejam a mensagem dele anunciando sua candidatura. Sem dúvida, o Prof. Marcílio vem fazendo um trabalho de qualidade junto ao CO e tem uma postura de crítica construtiva em relação às políticas da reitoria, não sendo afinado automaticamente com a atual gestão. Segue sua mensagem:

------------------------------------------------------

Bom dia colega,

Nesta terça-feira escolheremos nosso representante na Comissão Permanente de Avaliação da USP. Esta Comissão terá duas Câmaras, a Institucional [para avaliar os Departamentos e Unidades] e a Câmara de Atividades Docentes, responsável pela avaliação dos Professores da USP. Cada uma destas Câmaras será composta por nove Docentes, dois da área de Engenharias e Exatas, dois da área de Humanas e dois da área de Saúde, mais três indicados pelo Reitor.

Certamente a(o) colega perceberá a importância destas Câmaras que, em última instância, irá avaliar nossas carreiras. Perceberá também o trabalho gigantesco de se avaliar mais de 6000 docentes da USP num ciclo de cinco anos, a uma taxa de mais de 1000 docentes por ano, mais de 20 por dia útil.

Como realizar esse processo sem injustiças, a não ser com o apoio das Unidades em que se insere a(o) Docente? Como instruir o processo de avaliação, quais documentos a apresentar sem impor uma pesada burocracia ao Docente? Como compatibilizar critérios de avaliação de áreas tão distintas quanto Humanas e Exatas? Como transformar a avaliação em uma ferramenta propositiva e de apoio ao desenvolvimento da carreira docente? Qual olhar a lançar sobre os Professores Doutores, Associados e Titulares? Como escutá-los e levar suas opiniões à Câmara de Avaliação Docente?

Estas são todas questões em pauta nesta eleição de terça-feira. Refleti bastante sobre elas já que 
​participo 
no Conselho Universitário da USP como Representante Suplente de seus 2000 Professores Associados. Assim é que tive atuação propositiva no debate de formação da Comisão Permanente de Avaliação da USP, estudando o tema e propondo alterações.

Apresento-me como candidato à membro da Câmara de Avaliação Docente na área de Exatas e Engenharias, norteando minha atuação, para ser objetivo, por três itens principais:

1. elaborar critérios de avaliação amplos não centralizados, instruidos eletronicamente por questionários diretos e simplificados
2. ouvir os Docentes através de reuniões e debates em suas Congregações, promovendo critérios de avaliação transparentes
3. adotar critérios de avaliação harmônicos com as áreas de Humanas e Saúde, promovendo um olhar conciliador, abrangente e consequente, considerando aspectos não só quantitativos mas também qualitativos

Obrigado pela sua atenção a este pedido de voto e estou à disposição para mais esclarecimentos.

Cordialmente,

Marcilio Alves
University of Sao Paulo Associate Professor, Eng.Mec., M.Eng., Ph.D., D.Sc.

Group of Solid Mechanics and Structural Impact www.gmsie.usp.br
Editor-in-Chief Latin American Journal of Solids and Structures www.lajss.org

impact factor 0.85

President International Society of Impact Engineering www.impacteng.org


Depart of Mechatronics and Mechanical Systems Engineering

Polytechnical School

Mechanical Engineering Building - Office, Room MS11 - Lab, Room MT03
Phone Office 55 11 30915757 Phone Lab 55 11 30915331

Av Prof Mello Moraes 2231 Sao Paulo SP 05508-900 Brazil



​__________________________

Sobre mim, atuo na USP há 30 anos no Departamento de Engenharia Mecatrônica
​ 
e de Sistemas Mecânicos da Escola Politécnica. Sou Pesquisador 1D do CNPq,
​ 
coordenei grandes projetos de pesquisa de agências de fomento e empresas.
​ 
Leciono cursos de graduação bem avaliados e sou Vice-representante na
​ 
Comissão de Cultura e Extensão, Vice-coordenador do Programa de
​ 
Pós-graduação em Engenharia Mecânica da EPUSP e Vice-representante dos
Professores Associados da USP no CO. Sou representante dos editores da área
​ 
de Ciências Exatas junto ao Comitê Consultivo SciELO Brasil e já atuei em
​ 
comitês de avaliação de professores de universidades do Brasil, África do
​ 
Sul, Nigéria e Itália. Organizei várias 
​c​
onferências e proferi palestras convidadas em congressos brasileiros e internacionais. Minha produção
​ 
científica indica um fator H=20 (Google Scholar), com mais de 1300
​ 
citações
​ 
de 55 artigos em revistas técnicas. Sou membro do Conselho Editorial de
​ 
duas revistas: International Journal of Impact Engineering e Journal of
​ 
Theoretical and Applied Mechanics, conselheiro da Associação Brasileira de Ciências Mecânicas, ex-secretário de seu Comitê de Mecânica dos
​ 
Sólidos em

várias gestões e membro do Comitê de Segurança Veicular da SAE. Sou
​ 
observador
nas Nações Unidas em comitê dedicado às normas de segurança veicular
​ 
[WP29]
​ 
e fundador e editor chefe do Latin American Journal of Solids and
​ 
Structures, de fator de impacto 0.85. Sou também o fundador e Presidente da
​ 
International Society of Impact Engineering.

------------------------------------------------------

Fico a disposição de todos como sempre.
Grande abraço; Zé Renato




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pauta CO, 6.12.2016, terça-feira

Caros colegas,
Como é praxe, em quintas que antecedem às reuniões do CO, ontem recebemos a pauta da reunião da próxima terça-feira, 6.12.2016, acompanhada da documentação relativa aos pontos de deliberação da reunião. Com isso, como é nosso costume fazemos este post para dar amplo acesso tanto à pauta como sua referida documentação, para assim a Comunidade USP ter acesso amplo aos assuntos que serão tratados pelo colegiado máximo da USP.
Pedimos desculpas a todos, pois infelizmente ainda não tivemos condições de fazer o relato da última reunião do CO, na qual se aprovou os pontos relativos à carreira docente. Neste último mês tive muitos compromissos profissionais, além da carga de trabalho ter aumentado bastante por estar finalizando minhas atividades docentes um pouco antes neste ano. Na próxima terça-feira serei submetido à uma pequena cirurgia para a qual estarei afastado de todas as atividades presenciais na EACH/USP, uma vez esta cirurgia prever um relativo período longo de recupe…

Nova redação das propostas da reitoria

Caros colegas, 
Produzimos este breve post somente para alertar a todos sobre a mensagem eletrônica remetida pela reitoria para todos os docentes da USP, intitulada "Nova Comissão Permanente de Avaliação - segunda versão das normas".
Com isso, registramos em nosso blog o link para a página da reitoria na qual encontramos a segunda versão das propostas relativas à carreira docente.
Acessem, divulguem e debatam. Sem dúvida, entendemos que ainda é necessário continuarmos um amplo debate em torno de tais propostas. Segue o link: http://www.reitoria.usp.br/?page_id=1430
Estamos a disposição de todos. Abraços; Zé Renato

Relato Reunião do CO de novembro, 8/11/16

Colegas,
pagando a dívida que tínhamos com este blog, uma vez não termos tido condições neste último mês, devido a compromissos profissionais e pessoais, de sistematizarmos o relato da última reunião do CO, na qual tivemos importantes decisões em torno de nossa carreira docente.
Nosso alento diante a esta situação é que durante todo este mês constatamos que o serviço de transmissão ao vivo do IPTV vem alcançando uma ótima repercussão. Afinal até bem pouco tempo atrás, após as reuniões do CO, éramos procurados por colegas, servidores técnicos e alunos inquerindo-nos pelas decisões do CO e pelo desenrolar dos debates ocorridos no colegiado, e em particular após a reunião de novembro destacou-se para nós uma grande quantidade de pessoas que nos procuraram já comentando o desenrolar da reunião, ficando-nos muito claro que todos haviam acompanhado a transmissão ao vivo da reunião.

LINKS PARA GRAVAÇÃO DA ÍNTEGRA DA SESSÃO DO CO 8/11/2016
sessão manhã
http://iptv.usp.br/portal/video.action?idItem…